Bem-vindo!

Precisamos confirmar sua idade para que você continue sua navegação.

VOCÊ TEM MAIS DE 18 ANOS?

Abrabe - Associação Brasileira de Bebidas

Associadas à ABRABE adaptam produção para doar álcool a entidades de saúde

Associadas à ABRABE adaptam produção para doar álcool a entidades de saúde

Desde que foi declarada a pandemia de COVID-19 e instaurada a quarentena em diversas cidades do Brasil, o setor de bebidas tem se mobilizado fortemente para mitigar os impactos da doença. Isso porque a principal matéria-prima dessa indústria, o álcool, é considerada um produto de higiene indispensável para a desinfecção das mãos e de superfícies por sua alta ação bactericida. Claro que o álcool presente nas bebidas não é o mesmo usado como desinfetante.

No entanto, as indústrias de bebida têm capacidade para adaptar sua linha de produção e envase e, neste momento de crise, fornecer álcool 70% para instituições que precisam dele. E é exatamente isso que nossas associadas têm feito. Confira algumas ações:

A Campari está usando parte de sua fábrica em Suape (PE) para produzir álcool 70%, que abastecerá hospitais do estado por três meses. Até agora, as instituições de saúde já receberam da Campari 16 mil litros do líquido.

A Casa Di Conti, dona da Contini e localizada em Cândido Mota, interior de São Paulo, contribuiu com o combate à COVID-19 na região. No total, mais de 2.400 litros de álcool líquido 70% e 647 litros de álcool em gel foram destinados a unidades de saúde, entidades filantrópicas e instituições de segurança pública de cidades do entorno da empresa, como Assis, Ibirarema, Palmital, Paraguaçu Paulista, Marília, entre outras.

A Cia. Müller de Bebidas, responsável pela fabricação da Cachaça 51, já distribuiu 63.702 mil litros de álcool 70% e álcool em gel para 54 instituições de apoio em 31 municípios nos estados de São Paulo e de Minas Gerais, além da cidade de Cabo de Santo Agostinho (PE).

A CRS Brands, fabricante da Sidra Cereser, adaptou sua produção para doar mais de 5 mil litros de álcool 70% a hospitais e entidades assistenciais de Jundiaí e região. Além da ajuda a municípios paulistas, a empresa enviou um lote de álcool para instituições de caridade de Salvador (BA).

A Diageo, proprietária de marcas como Ypióca, Johnnie Walker e Smirnoff, doou 71 mil litros de álcool 70% para a Secretaria da Saúde do Ceará entre março e abril. O produto foi envasado em 142 mil embalagens de 480ml e distribuído a unidades de assistência à saúde e hospitais da rede pública do estado. A produção, destilação e envasamento foram realizadas no Ceará, onde está localizada a fábrica da Ypióca. Do montante de 71 mil litros de álcool, 50 mil litros foram fornecidos pela própria Diageo e 21 mil litros foram frutos de uma parceria com a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), por meio de sua associada BP Bunge Bioenergia.

Outra parceria, esta do Instituto Diageo com a fábrica de camisetas personalizadas Asa Sul, vai possibilitar a doação, em junho, de 475 máscaras para mais de 250 idosos que vivem nos abrigos Casa de Nazaré e Lar Torres de Melo, ambos em Fortaleza (CE).

O Grupo Heineken se uniu à Unilever e a outras oito empresas para fornecer um lote especial do limpador Cif Higienizador + Álcool a famílias de 250 favelas do estado de São Paulo. O produto de desinfecção de superfícies conta com álcool originado das cervejarias Heineken.

Em outra ação de doação, em parceria com a ONG Amigos do Bem, a empresa está levando 500 mil garrafas de 500ml de água mineral a 130 comunidades vulneráveis dos estados de Pernambuco, Alagoas e Ceará. Seis mil cestas básicas, no valor de R$ 50 cada, também estão sendo fornecidas pela Heineken.

A fabricante de cachaças Natique, dona de rótulos como Espírito de Minas e Santo Grau, além do gim Nordés, doou 1000 litros de álcool 70% para hospitais públicos da capital paulista. A corrente do bem, que contou com a ajuda dos consumidores, se formou no Instagram das marcas.

A Pernod Ricard, detentora das marcas Absolut, Ballantine’s e Chivas Regal, produziu em Resende (RJ) 36 mil litros de álcool 70%, que foram doados a hospitais públicos dos municípios de Volta Redonda, Resende, Quatis, Porto Real e Barra Mansa. A companhia também usou sua fábrica em Suape (PE) para produzir outros 6 mil litros de álcool 70%, doados a unidades de saúde públicas em Cabo de Santo Agostinho, na região metropolitana do Recife. Adicionalmente, a Pernod Ricard adquiriu cestas básicas e 2 mil máscaras para o Projeto Corona no Paredão, do Instituto Gerando Falcões, e doou, através de seus colaboradores, mais 7 mil máscaras de tecido.

A Underberg colaborou com o envase e operação logística de 100 mil litros de álcool 70%, doados a hospitais e comunidades carentes do Rio de Janeiro.

Iniciativas como essas refletem um setor unido, fortalecido e ativo, que tem buscado contribuir com o Brasil durante o período de crise do COVID-19.